Perigo por perto

Ir à universidade ? Risco de vida !

– Estudante morre baleado dentro da USP:
http://oglobo.globo.com/cidades/mat/2011/05/19/estudante-morre-baleado-dentro-da-usp-924493616.asp

– Assaltos próximo a universidades assustam estudantes de Pernambuco:
http://noticias.r7.com/videos/assaltos-proximo-a-universidades-assustam-estudantes-de-pernambuco/idmedia/3b5309fe10b4320ab736b64fc3b38bc9.html

– MP denuncia envolvido em sequestro-relâmpago no Fundão:
http://www.jb.com.br/rio/noticias/2011/05/06/mp-denuncia-envolvido-em-sequestro-relampago-no-fundao/

Tentando entender as criaturas

Cuma ? Do jornal Extra:

A delegada da 4ª Delegacia Distrital de João Pessoa, Juvanira Holanda, afirmou que o acusado de agredir uma estudante africana a chutes dentro da Universidade Federal da Paraíba e cometer ato de preconceito contra a estrangeira não responderá por racismo nem por lesão corporal. O vendedor de cartões de crédito está sendo investigado apenas por injúria e vias de fato. Para a delegada, chamar uma pessoa de negro não configura crime de racismo e chutar o abdômen não é lesão corporal. Segundo a delegada, uma testemunha afirmou que o acusado disse “pega essa negra-cão” durante a confusão que se formou no campus, quando a estudante foi tomar satisfação com o vendedor de cartões por um gesto obsceno que ele teria feito para ela.

– Não houve racismo. Para caracterizar racismo tem que ter uma série de coisas. Não é só chegar e falar “sua branca”, “seu negro” ou “seu negro safado”. Só caracteriza racismo quando, por exemplo, você impede o acesso de um negro a educação – afirmou a delegada.

Leia mais clicando aqui.