A casa da luz vermelha

Para bom entendedor, meia palavra basta. Se forem palavras inteiras, em expressões duras e diretas, melhor ainda. Do site do jornal Extra:

O secretário-geral da Fifa, Jerome Valcke, fez nesta segunda-feira um novo alerta sobre o atraso no cumprimento de prazos para a Copa de 2014, no Brasil.

– A luz vermelha já se acendeu para o Brasil, que não cumpre prazos.

– Perguntei ao Ricardo Teixeira (presidente da CBF): “Por que vocês assinaram aqueles documentos todos e não cumprem?” Não queremos uma Copa corrida, feita em cima da hora – declarou o dirigente, durante solenidade no Soccer City, estádio da abertura e da final da Copa da África do Sul.

Valcke foi duro em sua análise. E usou também de ironia:

– Este ano tem eleição presidencial, quase nada vai acontecer. O ano que vem tem carnaval. Só vão começar depois do carnaval? – indagou.

Leia mais clicando aqui.

Megahipercaos

Um evento (independente do que seja) cuja previsão era de 100 mil pessoas.

1 milhão de pessoas (segundo a Globo).
2 milhões de pessoas (segundo a Record):

Em nota divulgada no fim da tarde, a Prefeitura do Rio pediu desculpas à cidade e prometeu não voltar a autorizar eventos deste tipo. Segundo informou o o comandante do 2º BPM, tenente-coronel Antônio Carbalo Blanco, o culto reuniu um milhão de pessoas, embora a previsão inicial fosse de apenas cem mil.

Desculpas ?

(…) De acordo com a Cet-Rio, eram esperados 1.500 coletivos.

Ou seja, multipliquemos por 10…

Olha essa, do Globo Online:

O atual secretário da Ordem Pública (Seop), Alex da Costa, responsável pelas operações de Choque de Ordem em grandes eventos, admitiu que tomou conhecimento pelos jornais sobre o culto da Igreja Universal, que parou a cidade nesta quarta-feira.

Cuma ?

O ex-prefeito Cesar Maia, no Twitter, reclama…

Mentiram! Um evento no Rio precisa de assinaturas, no mesmo documento,da sub-prefeirura, assessoria eventos, PM e CET-Rio.

… e dedura o site em que revela que a prefeitura estava “preparada”: clique aqui para ler.

Leitores do jornal O Dia mandaram fotos do caos: clique aqui para ver.

Essa cidade realmente está entregue às baratas. Se as baratas, claro, conseguirem chegar a algum lugar.

Nem falei do lixo espalhado por toda a extensão das praias de Botafogo e Flamengo. Nem falei.