Brasil em Roland Garros

Muita gente nem sabe, mas vários brasileiros estavam disputando diversas das chaves de Roland Garros este ano. Felizmente, dois deles foram às finais;

– Marcelo Melo disputou a final de Duplas Mistas em parceria com a americana Vânia King. Perderam para a dupla favorita, Bob Bryan e Liezel Huber, ambos americanos, num jogo muito disputado.

– Guilherme Clezar vai disputar amanhã a final de Boys’ Doubles, o torneio de duplas para os jovens novos tenistas: veja a chave clicando aqui.

Além deles, a dupla de Bruno Soares e Kevin Yllyett ficou entre as 8 melhores na chave principal de Duplas Masculinas, e o mesmo Bruno Soares, desta vez com a russa Alisa Kleybanova, ficou entre as 8 melhores Duplas Mistas do torneio, feito também alcançado por André Sá em parceria com a veterana japonesa Ai Sugiyama.

A final de simples feminina vai ser disputada por duas russas: Dinara Safina (cabeça 1) e Svetlana Kuznetsova (cabeça 7). As duas ainda não levaram torneios de Grand Slam, mas Safina, independente do resultado da final, entrou e saiu de Roland Garros como número 1 do mundo.

A final masculina não vai ter Rafael Nadal desta vez. O sueco Robin Soderling (cabeça 23), de 24 anos, conseguiu o feito de eliminar seguidamente David Ferrer (14), Nadal (1), Nikolay Davydenko (10) e Fernando Gonzalez (12), e disputa a final com Roger Federer (2), que derrotou num jogo duro de 5 sets o argentino Juan Martin Del Potro (5).

Sem Nadal para atrapalhar, Federer tem agora a chance do conseguir finalmente levar o torneio de Grand Slam que faltava. Mas vai ter que passar pelo embalado Robin Soderling…