Presidenciáveis e as gafes ao vivo

Claro que o nervosismo atrapalha. Mas uma reportagem de Maurício Savarese e Rodrigo Bertolotto para o UOL aponta os “primores de lógica” do debate de ontem, 30.09.2010, da Globo entre os presidenciáveis:

– “Com o passar do tempo, a nossa população vai envelhecendo”, disse Marina

– Dilma acompanhou a toada: “Na Inglaterra, eles são ingleses e são diferentes de nós”.

– Serra falou em usar hidroaviões para acabar com as queimadas e ganhou ironias de blogueiros famosos, oposicionistas e governistas. Na verdade, hidroaviões são usados para pousar na água. O tucano estava se referindo aos “aviões de combate de incêndio”, que tragam água de lagos para despejar sobre as chamas nas florestas.

– Marina também se confundiu sobre a geografia da periferia paulistana. Ela citou o “morro do Capão Redondo” quando na verdade Capão Redondo é um distrito de São Paulo bem maior que um morro.

– A maior pérola, porém, foi de Dilma, que antes avisou que não tinha acompanhado o noticiário porque estava concentrada para o debate. “Eu espero que se mantenha a ordem democrática e a normalidade lá em El Salvador”, opinou na verdade sobre os incidentes desta quinta-feira no Equador, governado por Rafael Correa, aliado de Lula.

Leia o artigo completo clicando aqui.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s