Durma mais

O Globo Online conta hoje que pesquisadores italianos e britânicos afirmaram que pessoas que dormem menos de seis horas por noite poderão ter uma morte prematura

De acordo com um estudo feito pelos cientistas da Universidde de Warwick em colaboração com a Universidade de Medicina Federico 2º em Nápoles, Itália, pessoas que regularmente dormem menos que seis horas por noite tem chances 12% maiores de morrer em um período de 25 anos do que as pessoas que dormem o período ideal, de seis a oito horas.

O estudo, publicado na revista especializada Sleep, analisou os padrões de sono e mortalidade de 1,3 milhão de pessoas compilados em 16 pesquisas anteriores da Grã-Bretanha, Estados Unidos, países da Europa e da Ásia. Estas pessoas foram acompanhadas durante 25 anos – mais de 100 mil mortes foram registradas entre elas.

” Dormir menos que cinco horas por noite sugere que algo provavelmente não está certo ”

Na análise, os cientistas concluíram que a morte prematura pode ter ligações com pouco tempo de sono por noite ou sono excessivo, fora da faixa considerada “ideal”, entre seis e oito horas.

Mas, enquanto poucas horas de sono podem ter uma ligação direta com problemas de saúde levando a uma morte prematura, o excesso de sono pode ser apenas um sintoma de outros problemas de saúde já estabelecidos, segundo os pesquisadores.

“Dormir de seis a oito horas por noite pode ser mais favorável para a saúde. A duração do sono deve ser encarada como um fator de risco comportamental adicional, ou marcador de risco, influenciado pelo ambiente e possivelmente tratável, por meio de educação e aconselhamento, além de medidas de saúde pública voltadas para uma modificação dos ambientes físico e de trabalho”, afirmou o professor Francesco Cappuccio, chefe do Programa de Sono, Saúde e Sociedade da Universidade de Warwick.

Leia mais aqui.

Do bem e do mal

Da Folha Online:

O site Black Voices qualificou a situação de “caso curioso” e afirmou que o fato de estrelas como Madonna e Angelina Jolie optarem por adotar crianças negras gera “perguntas e suspeitas”. E questiona: “Por que querem um bebê negro em vez de um branco, se também há [brancos] para adoção?”.

EUA é isso aí. Vou te contar, viu ?

Enquanto isso, num país da América Latina:

Fotos em denúncia do MP mostram sinais de agressão a menina

Não vou colocar as fotos aqui. Como vocês sabem, a desembargadora ainda está solta por aí. Na rádio Tupi hoje pela manhã, falaram em planejamento de ritual satânico e disseram que ela é assim porque “estudou demais”…

Da mesma matéria do G1:

Os promotores explicam que o pedido de prisão preventiva se justifica “devido à revolta social causada pelos fatos descritos, demandando, assim, que se restaure a ordem pública”.

Por causa da revolta social ? Ou seja, se ninguém se manifestasse ficava tudo por isso mesmo ? Entendi.