Rio 2016, versão 2009

Já que a prefeitura do Rio parece gostar de administrar apenas (para) a Zona Sul, uma caminhada ao sol revela várias mazelas na orla do Rio.

Três fotos vão abaixo. Se o calçadão turístico está assim, imagine o resto. Melhor ainda: será que prefeitura vai dizer que isto é culpa da população?

[Em tempo, pra não dizer que só falei das flores: há um trecho enorme da Carolina Santos, no Méier, que está prestes a afundar. Anotem o que estou dizendo (e espero que eu seja “contradizido”): “um trecho da Carolina Santos vai afundar”.]

1. Quiosque nova geração, apoiado por madeiras pra não afundar:

2. Um de vários buracos profundos no famoso calçadão turístico:

3. Este pedaço absurdo de madeira com medidores da Light está no Leme há pelo menos 1 ano e meio: