Criando algo para circular na rede

Livro na fila para ler:
– “O Vendedor de Sonhos – O Chamado”, de Augusto Cury

Livro para comprar:
– “Minúsculos assassinatos e alguns copos de leite”, de Fal Azevedo

Livro para reler:
– “Harry Potter e o Enigma do Príncipe”, antes que o filme chegue

CD na fila para ouvir:
– “Covers”, de James Taylor

CD para comprar:
– O de inéditas dos Mutantes, que ainda nem saiu

Música para ouvir:
– (de novo) “Play That Funky Music”, de Adam Lambert, American Idol 2009

Vídeo para assistir:
– (para rir) “Ralou, Ralou”, do “Ré de Hot”, circulando na rede

DVD para assistir:
– “Across The Universe”, que ainda não consegui ver e t-o-d-o mundo me recomenda

Programa para assistir:
– “Dr House”, em sua terceira temporada da Record

Programa para esperar:
– “CSI”, nova temporada, pós saída do Grissom (não tenho TV a cabo)

Programa para esquecer:
– “Big Brother Brasil 9″… mas só depois que acabar

Filme no cinema para assistir:
– “Valsa com Bashir”

Blog para (re)visitar:
– “Que Filme É Esse ?“, só pra não indicar os “mais próximos”

Coisa para comer:
– Ovos de páscoa, em alguns dias 🙂

Tarefa caseira para desenrolar:
– Passar uma trouxa enorme de roupas

Lugar para visitar:
– Se desse, Paris. Como não dá, uma BOA sorveteria mesmo, tão escassas na cidade…

Próximo !

Top10 do Yahoo

Segundo o Yahoo, o Vírus Conficker foi um dos grandes sucessos das buscas da internet:

Quando o assunto é tecnologia, dentre as notícias mais procuradas, a ameaça do Vírus Conficker foi a que mais despertou curiosidade das pessoas. Muitos buscaram informações a respeito do vírus que pode infectar computadores pela internet ou até mesmo se esconder entre os dados armazenados em um pendrive.

Achei aqui.

Schindler’s List

Lista de Schindler é encontrada em biblioteca australiana:

(…) em anotações de pesquisa numa biblioteca australiana e começará a ser exposta publicamente nesta terça-feira.

A lista de 801 judeus foi encontrada no meio de seis caixas de papéis que pertenceram ao escritor australiano Thomas Keneally, autor do livro “A Lista de Schindler”, que foi adaptado ao cinema por Steven Spielberg no filme do mesmo título, vencedor de Oscar.

O documento amarelado de 13 páginas foi encontrado em meio a anotações de pesquisa e recortes de jornais alemães por um pesquisador na Biblioteca de Nova Gales do Sul, em Sydney. O estudioso vasculhava caixas de manuscritos adquiridas pela biblioteca em 1996.

Achei aqui.